Arquivo

Posts Tagged ‘Punta Carretas’

Conhece o chivito? Conhece sim!

Nem vou fazer suspense: Chivito uruguaio = X-tudo brasileiro! (só trocar o hambúrguer por um bifão)

Mesmo sabendo disso, tinha a esperança de encontrar algo levemente diferente, sei lá…um tempero, um item inesperado, um pão interessante…

Bem, vejamos as evidências:

Sarmiento Chiviteria - a descrição

Sarmiento Chiviteria – a descrição

Pedimos o chivito completo com batatas fritas:

Chivito + batatas fritas

Chivito + batatas fritas

Agora em detalhes:

Chivito completo - dá pra 2!

Chivito completo – dá pra 2!

Chivito completo - Alface, tomate, bacon, presunto, azeitonas, ovo, pimentão, muçarela e maionese.

Chivito completo – Alface, tomate, bacon, presunto, azeitonas, ovo, pimentão, muçarela e maionese.

Então, não tem nada de diferente. Nem os temperos, nem os itens, nem mesmo o pão!

Mesmo assim, vale provar. O completo saiu cerca de R$25, lembrando que tem a batata frita e que dá pra dividir.

Chiviteria Sarmiento
Calle Sarmiento, 895 com Calle Luis de la Torre
Bairro Pocitos
Montevidéu

Comendo em Montevidéu – La Perdiz e Montecristo

05/08/2013 1 comentário

Vamos começar pelo restaurante La Perdiz no bairro de Pocitos.

A gente chegou sem reserva, achando que em Montevidéu essas coisas nem eram necessárias…ledo engano! Tava lotadaço e foi ficando ainda pior conforme  a noite avançou. Mesmo assim, conseguimos uma mesa em pouco tempo e o atendimento foi muito bom.

E lá, finalmente, conseguimos provar a cerveza uruguaia Patrícia. Nem é nada demais, contudo, porém, todavia, é interessante.

Cerveza Patricia

Cerveza Patricia

Fizemos a melhor escolha do dia quando pedimos esta batata doce com queijo roquefort de entrada. Ela é grelhadinha na churrasqueira, super saborosa:

Boniato al Roquefort ou seja, batata doce com queijo roquefort feito na churrasqueira

Boniato al Roquefort, ou seja, batata doce com queijo roquefort feito na churrasqueira

 

De principais, pedimos um prato com cara de mais e outro com sabor de beeem menos:

Brochette de Lomo - mingnon com bacon, pimentão e cebola

Brochette de Lomo – mingnon com bacon, pimentão e cebola

Abadejo a la Bizkhaina - molho com pimentão, alho e tomates

Abadejo a la Bizkhaina – molho com pimentão, alho e tomates

A brochette tava boa. Só que um pouco mais mal passada do que eu queria. Já o abadejo, “Jesus!”, tava Horrível com H maiúsculo!

Cada prato saiu cerca de R$35 (junho/13). Pra quem mora em São Paulo, parece muito barato, né?! Ainda mais considerando que o La Pediz é point! É hit local!

Na noite seguinte fomos ao restaurante Montecristo, também em Pocitos. Outro restaurante que chegamos sem reserva e quase nos demos muito mal! Aprendam com nossos erros! kkk!

Esse restaurante é interessante porque é também um castelo e um museu! O dono foi alquimista e membro da maçonaria, então, tudo no Montecristo tem uma boa história pra contar. E, enquanto esperávamos, um garçom nos levou por um tour bem bacana!

Pra compensar o astral super, as comidas deixam a desejar:

Entrecot con mix de verdes y guarnición rosty

Entrecot con mix de verdes y papa rosty – o prato ‘de menos’

 

Salmón grillé con timbal de arroz oriental

Salmón grillé con timbal de arroz oriental – o prato ‘de mais’

 

De sobremesa, pedimos um crepe de doce de leite que tava bem bonito, mas ordinááááário:

Delícia Montecristo: panqueca de doce de leite, chantilly e morangos frescos

Delícia Montecristo: panqueca de doce de leite, chantilly e morangos frescos

O Montecristo é pra turista ver! Por isso, o preço também é. Tudo isso mais as bebidas e o serviço saiu cerca de 200 reais (junho/13).

 

Restaurante La Perdiz
Calle Guipúzcoa, 350 (é a rua de baixo do shopping Punta Carretas)
Pocitos
Montevideo

 

Restaurante Montecristo no Castillo Pittamiglio
Calle Francisco Vidal, 636 x Calle 21 de Setiembre
Pocitos
Montevideo